Buscar
  • cordsul

Você cuida da sua saúde mental?



A pandemia fez aumentar em mais de 25% número de casos de depressão e ansiedade em todo o mundo, alerta OMS.

Um dos motivos apontados foi o estresse causado pelo isolamento social em 2020. A solidão e o medo da infecção, sofrimento e morte, o luto e preocupações financeiras também foram citados como fatores.

Em um documento publicado dia 02 de março de 2022, a Organização Mundial de Saúde (OMS) apontou que a pandemia de Covid-19 fez aumentar em mais de 25% a quantidade de casos de depressão e ansiedade em todo o mundo em 2020.

Segundo a entidade, o número de casos de transtornos de ansiedade aumentou 25,6%, e os de depressão, 27,6% no ano retrasado. O documento também apontou que a pandemia trouxe lacunas no acesso a tratamento em saúde mental. As mulheres foram mais afetadas do que os homens, e os mais jovens, especialmente os de 20 a 24 anos, foram mais afetados do que os idosos.


Gatilhos

O levantamento apontou que um dos motivos para o aumento nos casos foi o estresse causado pelo isolamento social na pandemia. Além disso, a solidão e o medo da infecção, do sofrimento e da morte, o luto e preocupações financeiras também foram citados como fatores que levaram à ansiedade e à depressão.


Uma das limitações do estudo é que a maioria dos dados foi baseada em questionários feitos em países de alta renda, com pouca informação de países de renda baixa e média.


Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), o Brasil tem o maior índice de pessoas com transtorno de ansiedade no mundo. A percepção desse quadro entre as pessoas está cada vez maior e a busca por esse tema no país lidera o ranking das pesquisas, de acordo com o "Report Anual da Saúde Mental dos Brasileiros", relatório com dados retirados da plataforma Psicologia Viva, empresa de saúde mental, do Grupo Conexa, em parceria com a Eurofarma. Entre junho de 2020 e julho de 2021, foram avaliados mais de 84 mil registros distintos de pacientes, associados a aproximadamente 925 mil agendamentos de teleconsultas psicológicas.


Baseados em tantos dados e pesquisas quais as suas estratégias de prevenção e tratamento da sua família e dos seus colaboradores a respeito da saúde mental?

Aqui falamos de bons hábitos, desde atividade física, lazer, boa alimentação, evitar maus hábitos, como fumo e outros vícios. Ter uma rede sólida de bons relacionamentos como amigos e familiares que te ajudam e te fazem mais feliz.

Pense numa rotina saudável onde haja espaço para o ócio criativo. Para ter pausas e respirar. Entrar em contato com a natureza e com você.

E se tudo estiver muito difícil e fora de controle? Procure ajuda imediatamente. Psicólogo, psiquiatra, um amigo que te ouça e te encaminhe para um médico, terapeuta ou ajuda profissional.


Conta pra mim o que você tem feito de bom pra você e pra sua equipe de trabalho?

7 visualizações0 comentário